Dica Netflix | Nerve – Um jogo sem regras

Dica Netflix | Nerve – Um jogo sem regras

Um suspense disponível na Netflix que traz a temática adolescente com um trágico fundo de realidade

Vamos lá, primeiramente gostaria de esclarecer que se você é adolescente, meu amor, essa sensação de imortalidade não te pertence e se você fizer merda, no português mais claro da coisa, você vai se lascar. Todos nós já tivemos essa fase e alguns ainda estão nela, essa necessidade em provar algo, ter algo, ser algo que a maioria das pessoas julgam ser o correto nem sempre fica para trás com a maior idade.

filme nerve netflix
Vee (Emma Roberts) prestes a ser colocada contra a parede por nunca se arriscar em nada (Foto: Divulgação/IMDb)

Nerve nos mostra um jogo parecido com o “Verdade ou Desafio” que conhecemos só que online, sem verdades e o desafio digamos que não será só dar um selinho em alguém. Com milhares de pessoas acessando e falando sobre isso, é quase como se La Casa de Papel tivesse estreado e você ainda não tivesse assistido. Ao acessar o jogo te dão duas opções: jogador ou observador.

Voltando a parte da necessidade em provar algo que quase sempre sentimos, é aqui que temos o grande lance inicial da trama: Vee (Emma Roberts). A adolescente nerd que se vê em atrito com sua melhor amiga e decide mostrar que é mais do que todos pensam que ela é. Ao entrar como jogadora ela acaba conhecendo Ian (Dave Franco) e juntos eles precisam cumprir uma sequência de desafios bem fofa para reviver os desejos adolescentes incubados dentro de nós (te falar que James Franco era minha paixão, mas o irmão dele é tão maravilhoso quantOPA, me empolguei aqui, desculpem, voltamos com o post).

filme nerve um jogo sem regras
Ian (Dave Franco) e Vee (Emma Roberts). Sim, na maior parte do filme quando Dave Franco aparecia eu ficava com essa mesma carinha da Vee na foto, não deu para controlar (Foto: Divulgação/IMDb)

A coisa toda começa a esquentar e os desafios começam a ficar perigosos. A aflição com todas as pessoas e observadores com o celular ligado e filmando tudo que estava acontecendo foi grande, principalmente, porque hoje nós estamos exatamente assim. Não é preciso um jogo online para provar esse nosso lado observador, por mais trágica que seja a situação sempre terá alguém com um celular na mão filmando ao invés de tentar ajudar, impedir ou fazer algo. É triste. É trágico. É real.

Acredito que por estarmos sempre online, nosso senso humanitário (ou seria solidário?) está cada vez menor. Os jogadores começam se colocando em situações ridículas, interessados em aumentar o número de visualizações e atrair mais observadores, depois aceitam desafios perigosos e espanta como você mesmo ao assistir o filme vai ficando mais interessado. Somos atraídos a uma enorme ratoeira sem nem perceber direito. E não são apenas visualizações, seguidores e likes, o jogo oferece dinheiro. É quase como se o YouTube decidisse citar as regras e temas para seus vídeos. Sim, já existem aqueles que fazem desafios e é claro que eles estão nessa exatamente pela “fama online” e dinheiro que pode vir com ela. Mas no jogo é diferente, ele instiga o jogador ao máximo e no seu limite.

nerve filme
“Os Observadores irão te encontrar” (Foto: Divulgação/IMDb)
filme nerve um jogo sem regras
“Desafio completo” (Foto: Divulgação/IMDb)

Assusta um pouco pensar que estamos todos online no NERVE como meros observadores. O filme é importante para essa geração que está crescendo com a internet, senti falta de um clima um pouco mais pesado, pelo assunto e a proximidade que ele tem com a realidade, devia ser mais sombrio, mas talvez se fosse assim não atingiria o público principal que ele precisa atingir. Espero que possamos todos criar certa consciência desse caminho que estamos tomando, é perigoso mesmo não tendo nenhum hacker te ameaçando (ainda).

O filme é dirigido por Ariel Schulman e Henry Joost. Baseado no livro de Jeanne Ryan, confesso que fiquei curiosa para saber mais sobre a história, mesmo gostando da produção e adorando o clima néon que deram nas cenas quero saber como é o resultado original da trama. No elenco também temos Miles Heizer (13 Reasons Why), Samira Wiley (Orange is the New Black) e Emily Meade (The Leftovers).

Assista ao trailer:

Até a data desse post o filme encontra-se disponível na Netflix*

Todas as fotos usadas estão sob licença do site IMDb*

🖱 Siga as rede sociais de quinta e fique por dentro das novidades:

📸 Instagram: @escritoradequinta 
👍 Facebook: Escritora de Quinta
📌 Pinterest: Tati Santana

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s